ColunistaFórmula 1Post

UNI-Virtuosi conquista dobradinha em Mônaco, com vitória de Zhou acompanhado por Drugovich

Zhou dominou a prova, conseguindo administrar bem a liderança da prova, está é a sua segunda vitória na temporada

Nesta sexta-feira (21) a Fórmula 2 realizou a primeira corrida do fim de semana, a Sprint Race. Em Mônaco a prova não teve muitas ultrapassagens, mas Guanyu Zhou cruzou a linha de chegada na primeira posição, a equipe UNI-Virtuosi garantiu uma dobradinha nas ruas do Principado.

O brasileiro Felipe Drugovich que largou da segunda posição, perdeu ela para Christian Lundgaard na largada, mas o piloto da ART Grand Prix acabou abandonando a prova com um problema no motor. Drugovich recuperou a posição e fechou a prova em segundo para formar a dobradinha com Zhou, acompanhado por Roy Nissany que começou a corrida do quarto lugar e herdou o pódio.

Por conta da inversão do grid seguindo a classificação que ocorreu na quinta-feira (20), Guanyu Zhou largou da primeira posição, acompanhado pelo seu companheiro de equipe. O piloto chinês largou bem e ficou com a ponta evitando um ataque do brasileiro, enquanto Drugovich perdeu a sua posição para Lundgaard.

Enquanto Robert Shwartzman que começou a corrida da nona posição despencou no grid, caindo para a última posição com a asa dianteira danificada. O piloto tocou sozinho no muro de contenção e seguiu para os boxes, a equipe realizou a troca da asa dianteira e devolveu o russo para a pista na última posição, mas ele abandonou a prova na terceira volta, por conta da suspensão danificada.

LEIA MAIS: Théo Pourchaire crava a pole para a corrida principal da Fórmula 2 em Mônaco

Roy Nissany que largou da quarta posição, conseguia se manter na posição. Théo Pourchaire que já vai largar da pole na corrida principal, estava se sustentando na décima posição, com chances de obter a pole para a segunda Sprint do fim de semana.

Na quinta volta, Drugovich tentava reduzir a distância para Lundgaard na tentativa de retomar a segunda posição. Mas o piloto da Art estava mais próximo de Zhou, rodando abaixo de um segundo em algumas voltas.

Durante a nona volta, Pouchaire estava na oitava posição após ultrapassar Liam Lawson e Oscar Piastri, retornando para o oitavo lugar, após figurar nesta posição na segunda volta.

Na décima terceira volta, o motor de Lundgaard começou a apresentar muita fumaça, a equipe Art mandou o piloto permanecer na pista mesmo espalhando óleo pelo circuito. Foi somente na décima quinta volta que o piloto encostou o carro e provocou uma bandeira amarela no setor dois.

O circuito ficou mais lento, pois os pilotos precisavam de mais atenção já que tinha óleo espalhado na pista, dificultando a aderência dos carros. Drugovich retomou a segunda posição com o abandono do piloto da Art, já que acabou perdendo contato com ele quando o motor do rival começou a apresentar problemas.

Todos os pilotos ganharam uma posição com este abandono e Jehan Daruvala ficou com a décima posição e tinha chances de largar na pole na próxima corrida, naquele instante da prova.

A Fórmula 2 mostrava mais uma vez a importância de ter uma boa classificação, o traçado muito travado não permitiu muitas ultrapassagens. Mesmo separados por menos de meio segundo, a aproximação não era a garantia de uma ultrapassagem.

Na volta 25 o virtual Safety Car foi ativo, mas pouco tempo depois o SC entrou na pista – o brasileiro Gianluca Petecof abandonou a prova após bater no muro de contenção, ele pegou uma zebra e perdeu o controle do carro. O brasileiro já tinha enfrentado problemas durante o treino livre, com o motor do seu carro. 

O SC deixou a pista na volta 28 para os pilotos encerrarem a prova sem ele em pista, e com a aproximação dos carros uma tensão acabou surgindo, os ataques se intensificaram. Ralph Boschung estava tentando ultrapassar Nissany para garantir a terceira posição.

Jüri Vips foi ameaçado por Dan Ticktum.

Marino Sato que estava na décima sétima posição bateu, mas o seu carro foi rapidamente removido da pista.

Zhou recebeu a bandeirada na primeira posição, acompanhado por Drugovich e Nissany que fecharam o pódio. Daruvala foi ultrapassado na última volta por Armstrong, os dois se tocaram. Desta forma Armstrong será o pole da segunda corrida Sprint disputada neste sábado. Os oito primeiros colocados pontuaram nesta prova de sexta-feira, Zhou segue líder do campeonato.

O grid da segunda Sprint é formado pela inversão dos dez primeiros colocados da corrida 1. Lembrando que a prova principal da Fórmula 2 será disputada neste sábado, pouco depois da classificação da Fórmula 1 ser realizada em Mônaco.

“Foi uma sensação muito especial, acho que é uma grande conquista para toda a equipe. Terminar com uma dobradinha também, isso não acontece com frequência na Fórmula 2, então estou super feliz por eles com todo o trabalho que fizeram”, disse Zhou.

“Tivemos um ritmo bom hoje e estava muito confortável na frente. Mais duas corridas pela frente e espero que possamos ir um pouco mais além.”

Confira os horários:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por 🇧🇷 Ale Ranieri 🏁 (@aleranierimotor)

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados