ColunistaFórmula EPost

Sette Câmara conquista 4ª posição no segundo ePrix em Diriyah. Di Grassi foi o P8

O brasileiro piloto da Dragon largou da 2ª posição e terminou a corrida no 4ª lugar, após realizar uma boa prova na Arábia Saudita

O sábado proporcionou resultados melhores para os brasileiros que estão no grid da Fórmula E, Sérgio Sette Câmara e Lucas Di Grassi terminaram no top-10 O piloto da Dragon ficou com a quarta posição, após Jean-Éric Vergne e Nick Cassidy serem punidos. Câmara fechou a corrida na sexta posição, mas o piloto da DS Techeetah teve 24 segundos adicionados ao seu tempo por não ter pegado o segundo modo ataque. Já Nick Cassidy execedeu a velocidade durante a bandeira amarela. 

Outros pilotos no grid foram punidos, ajudando até mesmo Lucas Di Grassi, o piloto da Audi havia terminado a corrida na décima segunda possição, mas no grid final ficou com o oitavo lugar. 

Saiba como foi o desempenho dos Brasileiros

A segunda corrida realizada em Diriyah contou com Sérgio Sette Câmara largando da segunda posição, o piloto brasileiro veio de uma classificação forte com a Dragon.

Na largada Câmara se posicionou bem, mas Sam Bird vinha forte, o piloto da Jaguar que venceu a prova do sábado estava imprimindo um ritmo forte, e não deixou espaço para que o brasileiro pudesse brigar pela ponta. No entanto, devemos lembrar que o desempenho da Dragon ainda é uma incógnita no grid.

A vantagem de Câmara esteve em deixar outros pilotos focaram em suas disputas particulares, desta forma o brasileiro passou uma parte da prova isolado na terceira posição, já que a disputa pelo quarto lugar estava intensa. Com o carro da Dragon ele foi administrando a vantagem para Turvey e Blomqvist.

A perspectiva de uma boa corrida estava vindo também por Nico Müller que conseguiu se segurar por um bom tempo no top-5. Mas pouco depois os pilotos precisaram lidar com a dupla da DS Techeetah, que avançaram para assumir a terceira posição com Jean-Éric Vergne e Antonio Félix da Costa. O estreante Nick Cassidy também ultrapassou o brasileiro para assumir a quinta posição.

Em uma aposta mais conservadora no final, após tentar uma aproximação da dupla da DS Techeetah, Câmara fechou o dia na sexta posição na sua segunda corrida em Diriyah. Nick Cassidy estava sendo investigado por exceder a velocidade permitida durante a bandeira amarela, o piloto da Virgin foi punido. Outro piloto que acabou ajudando o brasileiro com a Dragon foi Jean-Éric Vergne, o piloto foi investigado após não ativar o modo ataque pela segunda vez, após a punição ser aplicada, Câmara assumiu o quarto lugar. 

Lucas Di Grassi (BRA) Audi Sport ABT Schaeffler, Audi e-tron FE07

Lucas Di Grassi largou da décima quinta posição, o piloto realizou a sua classificação com o segundo grupo, tinha um tempo bom, mas outros pilotos acabam batendo o seu resultado. Por conta da posição de largada vimos mais uma vez o brasileiro realizando uma corrida de recuperação. Seu início foi forte, logo ele saltou para a décima terceira posição, mas por conta do modo ataque, ele acabou perdendo um pouco de terreno nas disputas.

O piloto que guia para a Audi conseguiu terminar a prova em décimo segundo, algumas confusões ocorreram na sua frente, como a batida entre Jack Dennis e Pascal Wehrlein, além de Alex Lynn que foi parar direto no muro de contenção. Com o encerramento da prova, vários pilotos foram investigados e punidos, o brasileiro conseguiu ficar com a oitava posição após todas as modificações no grid. 

O saldo após Diriyah é positivo para os dois brasileiros, que deixam a Arábia Saudita conquistando pontos na segunda corrida e mais confiantes para a disputa em Roma.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo