ColunistaFórmula EPost

Quali Diriyah: Nyck de Vries é o primeiro pole position do ano; Sette Câmara bateu e não completou a sessão

O brasileiro marcaria um bom tempo, mas não conseguiu completar a volta por perder a freada na última curva

Tarde de sol na Arábia para o primeiro quali do ano na Fórmula E que viu Nyck de Vries seguir dominando o dia em Diriyah. O piloto da Mercedes foi o mais rápido nos dois treinos livres do fim de semana e saiu como o pole para a corrida desta sexta-feira. 

O circuito montado na cidade de Riade também viu Sergio Sette Câmara bater no muro de suas últimas curvas, o piloto vinha em volta rápida e acabou perdendo a freada. O brasileiro ficou sem tempo e vai largar da 23ª posição. 

Lucas di Grassi entrou na pista no primeiro grupo e mais uma vez foi vítima da pista suja do início do treino, o 15º lugar foi o que restou para o piloto da Audi.

SAIBA COMO FOI O QUALI

GRUPO 1 – da Costa | Vandoorne | Buemi | Vergne | Di Grassi | Rowland

O primeiro grupo saiu para a pista pouco tempo depois da liberação. Antonio Felix da Costa chegou a liderar a sessão, mas no fim foi superado por Oliver Rowland que fez os três melhores setores e ficou com o melhor tempo: 1:09.362.

Vandoorne ficou em segundo, a 0.7 de Rowland, com 1:10.128. A dupla da Techeetah não teve bom desempenho e ficou somente com as duas últimas posições do grupo.

GRUPO 2 – Evans | Lotterer | Evans | Guenther | Bird | de Vries | Frijns

Robin Frijns ficou de fora do quali por causa do seu acidente no TL2, a equipe não conseguiu consertar o carro a tempo. 

Lotterer foi o primeiro a ir para a pista dar a volta de aquecimento, mas de Vries aproveitou o bom dia em Diriyah para ficar na ponta da tabela mais uma vez. O piloto da Mercedes marcou 1:08.786, seguido por Mitch Evans com 1:09.152. 

Andre Lotterer e Sam Bird ficaram temporariamente em 3º e 4º e Max Guenther fechou o grupo 2 com o 5º tempo 1:09.277.

Os cinco pilotos desse grupo fizeram tempos melhores que os do primeiro. 

GRUPO 3 – Sims | Mortara | Rast | Lynn | Wehrlein | Turvey

Turvey e Mortara foram os primeiros a sair dos boxes pouco mais de um minuto depois de o grupo ser autorizado. 

Pascal Wehrlein pulou para 2º com 1:08.885, sendo superado por Mortara que teve 0.012 de vantagem. Alex Lynn marcou 1:09.183, ficando com a 5ª posição logo atrás do companheiro de Lucas di Grassi, Rene Rast, que fez 1:08.959. 

Sims ficou com 11º tempo ao marcar 1:09.559, uma posição à frente de Turvey, que fez 1:09.631.

GRUPO 4 – Nato | Sette Câmara | Cassidy | Blomqvist | Dennis | Müller

Nick Cassidy puxou a fila do grupo 4, mas foi Jake Denis que marcou volta rápida primeiro. O tempo de 1:09.723 rendeu o 17º lugar para o novato da BMW.

Sette Câmara baixou suas parciais durante a volta rápida, mas acabou perdendo a freada na última parte do circuito e bateu no muro da última curva, ficando sem tempo. 

Cassidy e Muller conseguiram se colocar entre os seis primeiros, avançando para a super pole. Blomqvist fez um ótimo tempo com seu NIO e quase passou para a próxima fase também, mas acabou ficando com o incrível 7º lugar.

SUPER POLE – de Vries | Mortara | Wehrlein | Rast | Lynn | Evans

Antes da Super Pole começar, Müller, Cassidy e Blomqvist entaram em investigação por finalizarem suas voltas rápidas sob a bandeira amarela, que estava acionada devido ao acidente de Sette Câmara.

A sessão foi adiada por alguns minutos até os fiscais da FIA decidirem que os três pilotos seriam punidos, com isso Mitch Evans e Alex Lynn entraram na Super Pole.

Evans literalmente correu para se preparar para a Super Pole. A liberação da pista foi atrasada em 2 minutos para que o piloto pudesse ficar devidamente pronto para voltar para o carro. O neozelandês usou toda a potência permitida para a o quali (250 kW) para fazer 1:09.706, Evans ainda deu um leve toque no muro na parte final do circuito.  

Alex Lynn superou o tempo do piloto da Jaguar. Com 1:09.345, e nenhum incidente, o carro 94 da Mahindra assumiu a pole temporariamente.

Terceiro a ir para a pista, Rene Rast manteve a boa fase de qualis apresentada no Festival de Berlim. O companheiro de Lucas di Grassi fez o super tempo de 1:08.869 e pulou para a primera posição. 

Com a pista ficando cada vez mais limpa, Pascal Wehrlein aproveitou essa vantagem para voar e fazer 1:08.821, superando Rene Rast na ponta.

Mortara marcou sua volta rápida logo após Wehrlein, mas seu primeiro setor ruim o deixou somente com a 3ª posição (1:09.317).

A decisão da pole ficou a cargo de Nyck de Vries, que não decepcionou e fez o tempo espetacular de 1:08.157. O jovem piloto se manteve na liderança de todas as sessões até agora e ele já chega na corrida com 4 pontos de vantagem sobre os demais.

A primeira corrida de Diriyah acontece às 14h (horário de Brasília) e será transmitida pela TV Cultura e pelo SporTV 2.

Mostrar mais

Cinthia Venâncio

Cearense que acompanha Fórmula 1 desde que se entende por gente. Faz aniversário no mesmo dia do Damon Hill.

Deixe uma resposta

Artigos relacionados