Pérez deve tirar um ano sabático se não assinar com a Red Bull ao final da temporada 2020

O mexicano ficou sem assento para o próximo ano, Pérez segue esperando uma resposta da Red Bull para competir em 2021 na F1

Sergio Pérez programou uma coletiva para esta segunda-feira (30), o mexicano anunciou que provavelmente vai tirar um ano sabático em 2021 para avaliar as suas possibilidades para o futuro, caso não seja possível assinar com a Red Bull ao final da temporada.

O mexicano ficou sem assento na Fórmula 1 após Sebastian Vettel ser contrato pela Aston Martin, o alemão vai disputar a próxima temporada com o time que hoje é conhecido como Racing Point.

Pérez atualmente ocupa a quinta posição no campeonato de pilotos, somando 100 pontos para a Racing Point. O piloto mexicano tem muita experiência, ele passou pela Sauber e McLaren, antes de ir para a Force India e auxiliar o time no seu processo de reestruturação.

Sergio Perez – Foto: Racing Point

O desejo do piloto é permanecer na Fórmula 1 e neste momento ele não almeja competir em nenhuma outra categoria, desta forma se não for possível substituir Alexander Albon para a próxima temporada, o mexicano vai tirar um ano sabático e buscar outro grande time para competir em 2022.

Perguntado sobre a possibilidade de trabalhar como piloto de testes de outro time, Pérez pode optar por ficar com a família, já que não teria muito sentido manter as suas viagens e ficar longe da família se não estiver de fato correndo.

Em 2020 Pérez conseguiu um pódio no GP da Turquia e quase obteve um bom resultado no GP do Bahrein, se não fosse o problema no MGU-K do seu carro. Neste mesmo ano o piloto esteve fora de duas provas após ser infectado com o Covid-19. Pérez pontuou em 12 das 13 etapas que disputou em 2020 e só saiu zerado no GP do Bahrein, justamente por conta do abandono no final da prova.

Sair da versão mobile