ColunistaDestaquesFórmula 1

OPINIÃO – Sebastian Vettel é uma opção para a Aston Martin

Rumores apontam surgimento de contato com a equipe e Racing Point não descarta as possibilidades

Foto: Ferrari Media 

Sebastian Vettel segue sem assento para 2021 e o rumor da vez é sobre o alemão ir para a Racing Point ou na próxima temporada, a Aston Martin.

Sergio Pérez e Lance Stroll são os donos do carro rosa até o momento, com um contrato de longo prazo, mas se sentem lisonjeados por serem um nome bom para Sebastian Vettel.

Jornais da Alemanha estão falando desde o começo da semana sobre a negociação de Vettel com a equipe Aston Martin. E Otmar Szafnauer, chefe de equipe da Racing Point, não nega as negociações com o alemão e também não falou nada sobre não desejar o piloto. Além disso o nome Aston Martin tem um peso maior para a equipe.

Ter um tetracampeão em seu carro, significa atrair patrocinadores e justificar os investimentos feitos por ele, Lawrence Stroll que é proprietário da Racing Point pode ter essa carta na manga.

Mas o que fazer com a dupla atual de pilotos?
Lance Stroll, Racing Point RP20

Nas cláusulas contratuais é possível rompê-lo com base no desempenho do piloto. Sergio Pérez seria o mais indicado para formar uma dupla com o piloto alemão, levando em consideração o seu histórico de pódios, agressividade e demosntrar confiabilidade com o RP20.

Sim, mas Lance Stroll é o filho do dono, este é um dos grandes motivos para Lawrence Stroll desprender tanto dinheiro no automobilismo. No entanto para justificar o dinheiro aplicado é necessário deixar o lado pessoal de lado, com o patrimônio que ele tem esse lado deve ter sido abandonado algumas vezes.

Pérez já teve conversas com a Haas, portanto pode ser uma alternativa para o mexicano se nesta decisão optarem por manter Stroll.

 

Outras chances?

As portas realmente não parecem estar abertas na Mercedes, já na Red Bull existe um grande problema. A vaga de Max Verstappen não é cogitada, mas o nome de Alexander Albon começou a ser falado, como o piloto que poderia originar a vaga de Vettel. No entanto 51% das ações da companhia de energéticos é de uma família tailandesa Yoovidhya. Chaleo Yoovidhya, foi o responsável por criar a marca de energéticos Kating Daeng, que deu origem anos depois à Red Bull.

E Sebastian Vettel?
G.P. AUSTRALIA F1/2020 – MELBOURNE 12/03/2020
credit: © Scuderia Ferrari Press Office

O alemão é novo, possui 33 anos, o hexacampeão Lewis Hamilton tem 35, enquanto Fernando Alonso que está retornado para a categoria na próxima temporada está próximo de completar 39. Kimi Raikkonen que está atualmente na Alfa Romeo completa 41 anos em 2020.

Aceitar a vaga na Aston Martin corresponde a um projeto de longo prazo. Vettel ainda quer vencer e ter um carro competitivo e com o desempenho atual do RP20 demostra ser uma boa opção. Seria uma perda para o grid um piloto tetracampeão não ter assento disponível para a próxima temporada.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados