ColunistaFórmula 1Post

Mercedes revela W12 e segue com pintura preta para 2021

A Mercedes divulgou nesta terça-feira o W12, a equipe optou por permanecer com a pintura preta para este ano

A Mercedes abre a segunda rodada de lançamentos nesta terça-feira (02) a equipe que conta com sete títulos nos construtores e revelou o carro de 2021, o W12 é a máquina que será guiada por Lewis Hamilton e Valtteri Bottas.

Durante as últimas semanas, o time vem dando alguns vislumbres da nova máquina, como a estrela vermelha em homenagem para Niki Lauda. A faixa verde água presente nas laterais do carro se estendeu para a asa dianteira, o vermelho no topo do Santo Antônio com o patrocínio da INEOS permanece. O interessante é realmente ver que a Mercedes manteve a pintura preta para a temporada 2021, ela foi utilizada em 2020 quando o time decidiu que deveria lutar para combater o racismo. A barbatana mais clara acaba promovendo uma diferença entre o seu antecessor, o W11, o AMG, ficou bem marcado nesta parte do carro.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Mercedes vem apresentando resultados expressivos na Fórmula 1, são sete anos no topo, em 2020 o time fechou a temporada com 573 pontos, conquistaram 15 poles e 13 vitórias em 17 corridas. Um campeonato muito consistente, principalmente por conta do desempenho do equipamento.

“Todos os anos, redefinimos nosso foco e definimos os objetivos certos”, disse Toto Wolff. “Pode parecer simples, mas é muito difícil e provavelmente é por isso que não existem times com sete títulos consecutivos. Tantas coisas podem acontecer e é muito natural se acostumar com o sucesso e, portanto, não lutar tanto por ele.”

“Mas essa equipe não mostrou nada disso. Vejo agora o mesmo fogo, fome e paixão que vi na primeira vez em que entrei pelas portas em 2013. Cada estação apresenta um novo desafio e, portanto, uma nova meta para alcançarmos. 2021 traz mudanças nos regulamentos, que podem impactar nossa competitividade, além do limite de custos e trabalhar nas principais mudanças de regras de 2022. Esses desafios nos entusiasmam. ”

LEIA MAIS: Allison revela como a Mercedes está lidando com o teto orçamentário

Lewis Hamilton é o favorito para conseguir o título em 2021, principalmente por conta das marcas que o piloto tem, são: 95 vitórias, 98 poles, o inglês está perto de chegar ao número 100, resultados muito expressivos que ele foi adquirindo durante 14 temporadas. O trabalho que Hamilton executa é claramente a combinação perfeita entre homem e máquina.

LEIA MAIS: OPINIÃO – Temporada 2020 da Mercedes

No entanto, Valtteri Bottas se mostra um companheiro de equipe bom, consegue ajudar a Mercedes na conquista de pontos, mas pode ser uma preocupação para o time neste ano já que em 2020 o finlandês quase foi superado por Max Verstappen. Vale lembrar que nesta temporada a Red Bull além de contar com o holandês, eles têm Sergio Pérez, dois pilotos que podem tirar vários pontos da equipe alemã, mas principalmente de Bottas, que por consequências diminuiria a eficiência da Mercedes.

No grid atual não existe uma equipe que execute o trabalho tão preciso quanto o da Mercedes, mas vários times estão passando ou passaram por processos de reestruturação, buscando cada vez mais se aproximar do time que está no topo.

A Mercedes aproveitou o momento para confirmar que Stoffel Vandoorne, segue como piloto reserva do time, e agora eles vão contar com Nyck De Vries, a dupla de pilotos corre na Fórmula E defendendo a Mercedes.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados