ColunistaFórmula 1Post

Lewis Hamilton lidera dobradinha da Mercedes no TL2 do GP da Áustria

A atividade foi acompanhada da chuva em alguns momentos, que deixou a pista úmida. As equipes testaram mais uma vez os pneus protótipos

O TL2 foi agitado pela ameaça de chuva, as equipes logo enviaram os seus pilotos para a pista, alguns abriram a atividade trabalhando com os pneus protótipos, antes de instalar os pneus médios e macios.

Lewis Hamilton fechou a atividade de sexta-feira (02) na liderança, depois de cravar 1m04s523, Valtteri Bottas ficou com a segunda posição anotando 1m04s712, separados por 0s189. Max Verstappen foi o terceiro colocado, próximo aos pilotos da Mercedes.

O destaque da atividade sem dúvida foi para a dupla da Aston Martin que terminou na quarta posição com Lance Stroll, enquanto Sebastian Vettel era o quinto colocado. A dupla da AlphaTauri também esteve no top-10, com Yuki Tsunoda em sexto, acompanhado por Pierre Gasly. Vale mencionar que o japonês da AlphaTauri cometeu alguns erros durante a atividade.

Fernando Alonso foi o oitavo colocado, com Lando Norris em nono, enquanto Antonio Giovinazzi ficou com a décima posição. Alguns nomes se repetem com o resultado que tivemos na última semana, no entanto, as temperaturas mais baixas acabam ajudando alguns times em desempenho e ritmo.

A Fórmula 1 retorna às 7h (pelo horário de Brasília) neste domingo, para a realização do TL3 e pouco depois da classificação, que promete ser mais uma vez bem agitada e competitiva, principalmente se a ameaça da chuva permanecer para todo o fim de semana.

Saiba como foi o TL2 para o GP da Áustria

A temperatura na pista estava na casa dos 31°C, com 19°C no ambiente. A chance de chuva estava espreitando a sessão.

Antonio Giovinazzi, Fernando Alonso e George Russell retornaram para os seus assentos.

Alguns pingos começaram a cair pela pista, então rapidamente os pilotos foram enviados para o circuito, para realizar alguns tempos em pista seca. Alguns pilotos estavam com os pneus protótipos, eram eles, Verstappen, Hamilton, Leclerc, Raikkonen, Sainz, Alonso, Giovinazzi, Russell, Ricciardo, Latifi e Bottas. Os outros pilotos estavam com os pneus médios e apenas Norris testava os compostos duros.

Verstappen assumiu a liderança da sessão com 1m05s773, acompanhado por Tsunoda com 1m05s936. O trânsito já era observado no circuito, com os pilotos negociando espaço para realizar voltas rápidas.

Com dez minutos de sessão bem movimentada, os dez primeiros eram: Verstappen, Bottas, Tsunoda, Hamilton, Gasly, Leclerc, Sainz, Giovinazzi, Raikkonen e Alonso. Na liderança, ainda o melhor tempo era com os pneus protótipos era o registrado por Max Verstappen.

Alguns tempos já eram deletados, pois os pilotos estavam extravasando os limites de pista. Por conta da redução de velocidade nas últimas curvas era possível ver outros competidores sendo atrapalhados por aqueles que estavam se preparando para abrir volta.

Com quase 20 minutos de atividade, todos os pilotos abandonaram os pneus protótipos, para usar os compostos médios e macios. Valtteri Bottas foi o líder momentâneo da atividade, com 1m05s602, até Verstappen cravar 1m05s239. Raikkonen apareceu na terceira posição com 1m05s324.

Aqueles que estavam com os pneus macios, começaram a superar os tempos que foram registrados com os pneus médios. Um exemplo era Vettel na segunda posição com 1m05s268, acompanhado por Tsunoda com 1m05s356 e Stroll com 1m05s364.

Valtteri Bottas que já tinha partido para a utilização dos pneus macios, superou o tempo de Verstappen com os médios, para anotar 1m04s712. Os ventos eram uma questão na atividade e já estavam incomodando alguns pilotos.

De pneus macios, era possível ver Verstappen escapando na pista e registrando apenas o terceiro melhor tempo com 1m04s740. Hamilton foi para a ponta com 1m04s523, superando Bottas por 0s189.

Restando 25 minutos para o final, os dez primeiros eram: Hamilton, Bottas, Verstappen, Stroll, Vettel, Tsunoda, Gasly, Norris, Pérez e Ocon. Os tempos da Aston Martin estavam chamando a atenção, principalmente com os dois pilotos entre os dez. No entanto, Ferrari e Alfa Romeo estavam mais próximos, Sainz estava na décima terceira posição, com o Raikkonen em décimo quarto e Leclerc em décimo sexto.

Os pilotos já estavam em modo de simulação de corrida nos últimos minutos da atividade. Max Verstappen foi informado que ele deveria permanecer na pista para conhecer ela em uma situação mais úmida. A chuva começou a apertar, mas nada que justificasse a instalação dos pneus destinados para esta condição. Além disso, o engenheiro de Verstappen, acredita que a chuva pode não cair completamente no domingo, mas os pilotos vão realizar a prova em condição semelhante a encontra nesta sexta-feira.

Próximo do cronômetro zerar, Lando Norris perdeu a traseira do carro na curva dois, ele que estava trabalhando com os compostos C5, informava que com 13 voltas aqueles compostos já tinham acabado.

A sessão terminou com os pilotos treinando largada. 

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados