ColunistaFórmula 1Post

GP da Turquia ocupa vaga deixada por Singapura e será disputado em outubro

A Turquia está de volta ao calendário, após ser cancelado por conta das restrições em decorrência da pandemia de Covid-19

Antes do início do primeiro treino livre para o GP da Estíria, a Fórmula 1 aproveitou para confirmar nesta sexta-feira (25) a realização do GP da Turquia. A prova no Istambul Park entra para preencher a vaga deixada pelo GP de Singapura, marcado para o dia 3 de outubro.

O GP da Turquia não apareceu no calendário inicial da temporada 2021, mas por conta de alterações que foram realizada após o cancelamento da etapa do Canadá, a prova em Istambul apareceu como uma possível substituta.

Mas em virtude da pandemia de Covid-19 e as restrições de viagem internacional impostas pelo governo britânico, o GP da Turquia precisou ser cancelado e o calendário sofreu novas alterações. O promotor do evento solicitou a possibilidade de retornar nesta temporada, desta forma a Fórmula 1 manteve o GP da Turquia como uma alternativa para outro momento do ano.

Atualmente o GP da Turquia ainda está na lista vermelha de territórios para o governo britânico, mas esperam tempos melhores até a segunda metade da temporada 2021. Nesta lista também aparecem o Bahrein e Brasil.

Em comunicado a Fórmula 1 disse: “Após conversas com outros promotores, estamos confiantes de que vamos conseguir viajar para a corrida de acordo com os nossos estritos protocolos de segurança.”

“A comunidade da Fórmula 1 continuará suas viagens nesta temporada com medidas de segurança rigorosas que nos permitiram viajar com segurança nesta temporada. Até agora, nesta temporada, realizamos mais de 44.000 testes com 27 casos positivos, uma taxa de 0,06%, com a maioria ocorrendo durante a primeira parte da temporada”, seguiu o comunicado.

“Paralelamente a isso, uma proporção significativa da comunidade da F1 já foi vacinada e estamos confiantes de que todos terão a oportunidade de fazê-lo até o final do verão. Continuaremos a operar de forma a proteger a segurança de nosso pessoal e as comunidades que visitamos. ”

Stefano Domenicali, presidente e CEO da Fórmula 1, disse: “Estamos muito satisfeitos por voltar à Turquia para o circuito Istanbul Park. Esperamos ver outra corrida fantástica novamente em uma das melhores pistas do mundo.”

“Queremos agradecer à administração do Intercity Istanbul Park e ao Sr. Vural Ak por seus esforços pessoais para que este evento acontecesse. Mostramos que podemos nos adaptar e há um grande interesse em nosso esporte e a esperança de muitos locais para tem um GP. Tivemos conversas muito boas com todos os outros promotores desde o início do ano e continuamos a trabalhar de perto com eles durante este período.”

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados