ColunistaCopa TruckPost

GALERIA – Beto Monteiro conquista o bicampeonato da Copa Truck em 2020

A final da Copa Truck foi definida em Interlagos, Beto Monteiro conquistou o campeonato com uma vitória e um terceiro lugar

O fim de semana em Interlagos também foi agitado por conta da Copa Truck, outra categoria nacional que estava realizando a sua final. Os brutos foram os primeiros a retomar as suas atividades em 2020, a final foi disputada por sete finalistas que tinham chance de conquistar o título: Beto Monteiro (124 pontos), André Marques (116), Valdeno Brito (113), Wellington Cirino (110), José Augusto (110), Felipe Giaffone (110) e Danilo Dirani (108).

A sexta-feira foi destinada aos treinos livres, Paulo Salustiano liderou a primeira atividade, enquanto Beto Monteiro que era o atual líder do campeonato naquele momento tinha terminado a primeira atividade na quarta posição. Na segunda atividade Wellington Cirino que terminou o TL1 na segunda posição, comandou a ponta do TL2, enquanto Monteiro encaixou o seu caminhão da Volkswagen na segunda posição.

Partindo para a classificação, a pole ficou com Paulo Salustiano, mas Beto Monteiro conseguiu o segundo lugar, estabelecendo a primeira fila com os Volkswagen. Valdeno Brito que tinha chances de conquistar o título não participou da final, o piloto estava com um problema renal e não correu no fim de semana.

Valdeno Brito não participou da Final – Foto: Beto Corrêa

Felipe Giaffone não deu sorte, o piloto havia avançado para o Top Qualifying, mas por conta do excesso de fumaça ele foi punido, precisando largar da 19ª posição, bem distante do que seria o ideal para disputar o título.

A Final

Este slideshow necessita de JavaScript.

Beto Monteiro se consagrou como bicampeão, o primeiro na Copa Truck, o resultado do pernambucano ainda corou a Volkswagen como campeã de equipes.

A etapa foi disputada em duas corridas, o título veio após Monteiro vencer uma prova e terminar na terceira posição na segunda corrida. A disputa ficou entre Monteiro e Cirino, mas o paranaense enfrentou problemas mecânicos e abandonou a corrida.

“Foi um ano desafiador por conta da pandemia e também tivemos o susto do problema de saúde que teve nosso chefe de equipe Renato Martins, mas no fim tudo deu certo. Foi um título construído passo a passo, desde a primeira etapa e, mesmo classificado para a decisão já na primeira Copa, segui trabalhando para manter essa vantagem. Estou muito feliz com meu quarto título de caminhões e com esse bicampeonato na Copa Truck. Que venha 2021!”, comentou Beto.

Em 2021 teremos mais disputas da Copa Truck repleta de novidades e uma delas é a exibição das provas pela Band, assim como a Stock Car.

Ranking final:

1. Beto Monteiro, 160
2. André Marques, 142
3. Danilo Dirani, 139
4. Wellington Cirino, 131
5. Jô Augusto, 125
6. Felipe Giaffone, 123
7. Valdeno Brito, 112

Corrida 1

1º Beto Monteiro (VW) em 25:33.993
2º Paulo Salustiano (VW) a 0.221
3º Wellington Cirino (MB) a 3.669
4º Rafael Lopes (VW) a 9.036
5º Danilo Dirani (MB) a 10.626
6º André Marques (MB) a 12.606
7º Felipe Giaffone (IVE) a 36.471
8º Regis Boessio (VOL) a 48.968
9º Danilo Alamini (MAN) a 49.548
10º Debora Rodrigues (MB) a 56.854
11º Djalma Pivetta (IVE) a 1:01.634
12º Luiz Lopes (IVE) a 1:04.813
13º Valmir Benavides (IVE) a 1:06.954
14º José Augusto Dias (VW) a 1:14.331
15º Cristian C Julio (MB) a 1:28.313
16º Renato Martins (MAN) a 2:02.555
17º Daniel Kelemen (MB) a 1 Volta
18º Pedro Paulo (MB) a 1 Volta
19º Christian J Julio (VOL) a 2 Voltas
20º Pedro Muffato (SCA) a 2 Voltas
21º Evandro Camargo (MB) a 3 Voltas
22º Adalberto Jardim (PRO) a 4 Voltas
23º Fabio Fogaça (PRO) a 11 Voltas
24º Raphael Teixeira (PRO) a 12 Voltas

Corrida 2

1° Paulo Salustiano (VW) em 25:47.588
2° Danilo Dirani (MB) a 9.317
3° Beto Monteiro (VW) a 9.326
4° Andre Marques (MB) a 22.097
5° Rafael Lopes (VW) a 22.554
6° Regis Boessio (VOL) a 28.378
7° Jose Augusto Dias (VW) a 33.844
8° Pedro Paulo (MB) a 35.841
9° Debora Rodrigues (MB) a 51.208
10° Djalma Pivetta (IVE) a 58.989
11° Cristian C Julio (MB) a 1 Volta
12° Renato Martins (MAN) a 3 Voltas
13° Wellington Cirino (MB) a 3 Voltas
14° Danilo Alamini (MAN) a 5 Voltas
15° Pedro Muffato (SCA) a 6 Voltas
16° Felipe Giaffone (IVE) a 8 Voltas
17° Valmir Benavides (IVE) a 10 Voltas
18° Luiz Lopes (IVE) a 10 Voltas
19° Adalberto Jardim (PRO) a 11 Voltas

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados