AutomobilismoColunistaFórmula EPost

Fórmula E e FIA divulgam calendário completo da temporada 2020/21

A nova programação inclui etapas em Puebla (México), Nova Iorque, Londres e Berlim

Nos últimos dias, a imprensa estrangeira ventilou diversos boatos que novas etapas da temporada 2020/21 da Fórmula E seriam divulgadas durante o EPrix de Mônaco. No entanto, a categoria revelou hoje o calendário definitivo para o final da sua 7ª temporada. 

Pelo novo cronograma, a temporada 2020/21 será a mais longa da história da categoria. Serão 15 corridas em oito cidades e três continentes.

Isso porque a Fórmula E resolveu investir em rodadas duplas, como vem como fez com Diriyah, Roma e fará neste fim de semana em Valência. Assim, apenas Mônaco terá uma única corrida no dia 08/05.

De acordo com o novo calendário, a primeira etapa após Mônaco será em Puebla, no México, nos dias 19 e 20 de junho. A prova que foi realizada cinco vezes no Autódromo Hermanos Rodriguez, na Cidade do México precisou mudar de local porque o circuito ainda é utilizado como um hospital de campanha. 

A cidade de Nova Iorque será palco das rodadas 10 e 11 do Campeonato Mundial ABB FIA Fórmula E 2020/21. A ação voltará a Red Hook, no Brooklyn, nos dias 10 e 11 de julho.

A Fórmula E retorna à Europa em 24 e 25 de julho para o E-Prix de Londres, usando uma pista exclusiva que contempla o interior e o exterior do ExCeL London. E pouco mais de um mês depois segue para o final da temporada em Berlim, nos dias 14 e 15 de agosto.

Calendário final do Campeonato Mundial da ABB FIA Fórmula E 2020/21

As etapas de Marrakesh e Santiago, programadas para 22 de maio e 5 e 6 de junho, respectivamente, foram removidas do calendário nesta temporada devido à pandemia. 

Os eventos em Santiago, Sanya e Seul serão remarcados para a 8ª temporada. A ideia da categoria é que os fãs já estejam presentes.

A Fórmula E continuará monitorando o andamento da pandemia COVID-19, se mantendo em constante comunicação com sua comunidade de equipes, fabricantes, parceiros, emissoras e cidades-sede.

Todas as atualizações do calendário dependem de restrições de viagem, bem como protocolos do governo local e estão sujeitas à aprovação do Conselho Mundial de Automobilismo da FIA.

Alberto Longo, co-fundador e diretor do campeonato da Fórmula E, disse: “É uma grande conquista de todos liberar o calendário completo para esta temporada. O calendário inclui o maior número de corridas que realizamos em uma temporada e mostra nosso compromisso contínuo de criar um cronograma que fãs e públicos em todo o mundo seguirão.

“Quatro rodadas duplas em Puebla, Nova York, Londres e Berlim vão definir a cena perfeitamente para coroar o primeiro campeão mundial oficial da Fórmula E”. 

ABB Formula E (@fiaformulae) • Fotos e vídeos do Instagram 

Mostrar mais

Cinthia Venâncio

Cearense que acompanha Fórmula 1 desde que se entende por gente. Faz aniversário no mesmo dia do Damon Hill.

Deixe uma resposta

Artigos relacionados