ColunistaDestaquesFórmula 1Post

Final de semana termina com penalização para Giovinazzi, mas italiano consegue se manter com décima posição

Após o encerramento do GP de Singapura neste domingo (22), Antonio Giovinazzi foi punido, o italiano passou muito próximo ao guindaste que estava removendo o carro de George Russell durante a entrada do primeiro safety car na pista.

A punição de dez segundos não alterou o resultado da prova, somente o tempo final, o italiano se manteve com a 10ª posição, pois cruzou a linha de chegada com 18 segundos de vantagem para Romain Grosjean.

Os comissários encararam a conduta do italiano como potencialmente perigosa, assim como para os ficais que estavam a remoção do carro. A Fórmula 1 vem se tornando cada vez mais cautelosa, principalmente por conta do acidente fatal de Jules Bianchi no GP do Japão de 2014.

Mesmo com a punição, foi um grande final de semana para o italiano, pois ele deu para a Alfa Romeo as primeiras voltas na liderança desde Bélgica 1983, com Andrea de Cesaris. Giovinazzi largou com os pneus médios da décima primeira posição e pode permanecer mais tempo na pista enquanto os pilotos que estavam a sua frente se dirigiam para os boxes, desta forma após a parada de Hamilton liderou algumas voltas.

Infelizmente a equipe errou a estratégia e demorou para realizar a sua parada, então a Toro Rosso reagiu com Pierre Gasly e o piloto francês ganhou a posição de Giovinazzi. “Foi uma grande batalha de corrida”, disse o italiano. “Estou feliz por trazer para casa um ponto para mim e para a equipe, mas ainda tenho a sensação de que poderíamos ter terminado mais à frente. Liderar a corrida e lutar no topo contra os Ferraris e a Mercedes foi uma grande sensação”.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados