ColunistaDestaquesPostStock Car

Felipe Fraga, prometeu e cumpriu, o piloto da Cimed ultrapassou Ricardo Maurício para garantir vitória em primeira corrida no Velopark

Neste domingo (15)  foi realizada a oitava etapa da Stock Car, no autódromo do Velopark e Felipe Fraga cruzou a linha de chegada na primeira posição. O piloto da Cimed começou a atacar Ricardo Maurício desde a largada em fila indiana, mas apenas quando o botão de ultrapassagem foi liberado, a disputa deles ficou mais intensa.

Felipe Fraga colocou o carro de lado, após a chincane e ultrapassou Maurício por dentro, Gabriel Casagrande que estava assistindo a disputa de camarote, aproveitou e embalo e ultrapassou Maurício, conquistando assim a segunda posição. Mesmo com a parada nos boxes, está configuração foi mantida.

Thiago Camilo fechou a prova na quarta posição, acompanhado por Cacá Beuno que foi ameaçado até o final da prova, por Ricado Zonta, mas conseguiu manter a quinta posição.  Zonta foi punido por conta da parada nos boxes, a equipe começou a trocar os pneus antes do término do reabastecimento.

Completando o grid, Bruno Baptista assumiu o sexto lugar, após com a punição de Zonta. Rubens Barrichello foi o sétimo com o equipamento da Full Time, acompanhado por Julio Campos da Prati-Donaduzzi, Daniel Serra da Eurofarma RC e Max Wilson da RCM. Wilson perdeu várias posições após a parada nos boxes.

lll Saiba como foi a primeira corrida da Stock Car

Os dez primeiros eram: Maurício, Fraga, Casagrande Wilson, Camilo, Zonta, Barrichello, Bueno, Baptista e Serra.

Os pilotos largaram em fila indiana e Ricardo Maurício conseguia manter a ponta, mas Felipe Fraga andava colado no piloto da Eurofarma. Casagrande tentava atacar os líderes, mas perdia um pouco de contato.

Felipe fraga colocava o carro de lado para ameaçar a primeira posição, mas precisou recolher o carro várias vezes, pois Maurício fazia o carro ficar largo no Velopark.

Valendo a sexta posição, Zonta se defendia dos ataques de Barrichello, durante a volta 4.

Foi na volta cinco, que Felipe Fraga conseguiu a ultrapassagem, após passarem pala chincane, sem o botão de push acionado, o piloto da cimed colocou o carro por dentro e levou a melhor, conquistando a primeira posição. Com o embalo, Casagrande também conquistou a segunda posição.

Duas voltas depois, foi a vez de Max Wilson perder o quarto lugar para Thiago Camilo.

Na oitava volta, as posições eram: Fraga, Casagrande, Maurício, Wilson, Camilo, Zonta, Barrichello, Bueno, Baptista e Serra. Wilson havia recuperado a posição e fez o piloto da Ipiranga gastar um botão de push, sem conseguir nenhum efeito na pista.

Cacá Bueno e Daniel Serra acabaram extravasando os limites de pista, com o piloto da Cimed ganhando a posição do piloto da Eurofarma e com isso se tornava o nono colocado. Os dois foram se apoiando para realizar a chincane. Mais atrás Barrichello e Zonta acabavam fazendo o mesmo e o piloto da Full Time assumia a sexta posição.

A medida que as voltas foram realizadas, o pelotão começava a se distanciar. Bruno Baptista havia se posicionado entre Barrichello e Zonta e o piloto da Full Time, conseguiu 1s4 de vantagem para Baptista.

Na volta 16, ocorreu a abertura de box, Osman foi um dos primeiros a se encaminhar para o pit, mas deu preferência por abandonar a prova. Casagrande foi na segunda volta da janela, realizou o reabastecimento e a troca do pneu de apoio esquerdo. Max Wilson realizou algo semelhante, mas optou por trocar o pneu traseiro direito.

Ricardo Maurício e Felipe Fraga foram juntos para os boxes e logo depois foi a vez de Camilo e Bueno.

Nelson Piquet Jr, escolheu apostar na segunda corrida e com isso realizou um reabastecimento mais longo e com a troca de todos os pneus.

Após todas as paradas nos boxes as posições eram: Fraga, Casagrande, Maurício, Camilo, Bueno, Zonta, Baptista, Abreu, Barrichello e Serra. Max Wilson caiu para a décima segunda posição após a parada nos boxes.

Rafael Suzuki caia para a vigésima segunda posição, após ser ultrapassado por Guga Lima.

Denis Navarro levava a melhor na disputa pela décima segunda posição e conseguia realizar a ultrapassagem em Max Wilson.

Restando 11 minutos, Rafael Suzuki retornou aos boxes, abandonando a primeira corrida.

Denis Navarro começou a perder rendimento e com isso Max Wilson retomou a posição, Allam Khodair aproveitou o embalo e também ultrapassou o piloto da Cavaleiro Sports. No entanto enquanto Navarro tentava se defender dos ataques de Valdeno Brito, eles se tocaram e Navarro acabou rodando na pista, perdendo diversas posições, deixando o páreo. O incidente foi para análise.

Na volta 37, Zonta colou em Bueno e tentava obter a quinta posição, acionando os botões de ultrapassagem para se manter próximo.

Os líderes passaram pela linha de chegada, restando sete segundos para o término e com isso eles precisaram dar mais duas voltas para completar a prova.

Felipe Fraga cruzou a linha de chegada na primeira posição, acompanhado por Casagrande e Maurício.

Camilo ficou com a quarta posição, acompanhado por Bueno. Zonta não conseguiu concluir a ultrapassagem e precisou se conter com a sexta posição.

Resultado da corrida 1:

1 . Felipe Fraga ( Cimed Racing ), 42 voltas em 45min46s

2 . Gabriel Casagrande ( Crown Racing ), 2.059

3 . Ricardo Maurício ( Eurofarma RC ), 3.599

4 . Thiago Camilo ( Ipiranga Racing ), 7.000

5 . Cacá Bueno ( Cimed Racing ), 11.127

6 . Bruno Baptista ( RCM Motorsport ), 15.242

7 . Rubens Barrichello ( Full Time Sports ), 16.508

8 . Julio Campos ( Prati-Donaduzzi Racing ), 18.037

9 . Daniel Serra ( Eurofarma RC ), 19.935

10 . Max Wilson ( RCM Motorsport ), 21.516

11 . Allam Khodair ( Blau Motor Sports ), 22.415

12 . Ricardo Zonta ( Shell V-Power ), 22.821

13 . Lucas Foresti ( Vogel Motorsports ), 32.639

14 . Valdeno Brito ( Prati-Donaduzzi Racing ), 37.366

15 . Felipe Lapenna ( Cavaleiro Sports ), 39.391

16 . Denis Navarro ( Cavaleiro Sports ), 40.156

17 . Nelson Piquet Jr ( Full Time Sports ), 1 volta

18 . Gaetano di Mauro ( Shell Helix Ultra ), 1 volta

19 . Bia Figueiredo ( Ipiranga Racing ), 1 volta

20 . Marcel Coletta ( Crown Racing ), 2 voltas

21 . Marcos Gomes ( KTF Sports ), 6 voltas

22 . Pedro Cardoso ( Hot Car Competições ), 7 voltas

23 . Átila Abreu ( Shell V-Power ), 9 voltas

24 . Rafael Suzuki ( Hot Car Competições ), 9 voltas

25 . Guga Lima ( Vogel Motorsports ), 9 voltas

26 . Cesar Ramos ( Blau Motor Sports ), 17 voltas

27 . Galid Osman ( Shell Helix Ultra ), 19 voltas

28 . Diego Nunes KTF Sports KTF Sports ), 32 voltas

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados