ColunistaNascarPost

Em corrida complicada para os rivais, Kyle Larson se garante na decisão da NASCAR Cup Series

Enquanto alguns participantes do playoffs, como Joey Logano Martin Truex Jr e Denny Hamlin têm problemas, piloto da Hendrick dominou a disputa e venceu no Texas

Kyle Larson garantiu mais uma vitória no ano e vai para a final da Cup (Jared C. Tilton/Getty Images)

Em uma corrida movimentada que deu início ao Round of 8 da NASCAR Cup Series, alguns dos candidatos dos playoffs da divisão sofreram um bocado ao longo da prova no circuito do Texas. O único participante que teve uma prova mais tranquila foi Kyle Larson, que liderou e venceu com autoridade, se garantindo como o primeiro finalista da categoria.

Larson dominou a maior parte da prova e, mesmo com a pressão de seu companheiro de equipe, William Byron, não correu risco de perder a posição. O piloto da Hendrick venceu pela oitava vez no ano e é o primeiro piloto garantido na final da Cup Series, que será em novembro no circuito de Phoenix.

Se a corrida de Larson foi tranquila, para boa parte dos participantes dos playoffs, a disputa foi complicada, com muitos problemas acontecendo pelo grid afora.  Alguns até se recuperaram bem, mas outros se complicaram na disputa pela final.

Brad Keselowski teve problemas de rendimento no começo da prova e chegou a ficar uma volta atrás, mas conseguiu se recuperar com um bom ajuste e sonhou até em ameaçar a vitória de Larson, mas acabou em quarto, sendo o melhor piloto dos playoffs depois do piloto da Hendrick.

Chase Elliott teve de largar do fim do grid e penou com a janela de parada nos boxes e com relargadas ruins, mas conseguiu se recuperar e terminou em sétimo.

Outro que também teve que remar foi Kyle Busch, que foi punido no primeiro pit-stop e caiu para o fim do pelotão. O piloto da Joe Gibbs ainda teve a sorte de escapar de um big one ainda no primeiro estágio, (provocado pela rodada de Bubba Wallace, que envolveu outros 13 carros mais do fim do pelotão), mas o bicampeão da Cup Series se recompôs e conseguiu concluir a prova na oitava posição.

Quem não teve a mesma sorte foi Denny Hamlin, pois teve problemas mais perto do fim da prova. O piloto da Joe Gibbs teve um pneu furado após um toque de Ryan Blaney e rodou. 

Posteriormente, o Carteiro acabou colhido em um acidente entre Chase Briscoe e Chris Buescher e terminou em 11º. Hamlin ainda segue na zona de classificação, mas perdeu a vantagem mais confortável que tinha no começo desta fase dos playoffs.

Por sua vez, Joey Logano é quem está na situação mais crítica. O campeão de 2018 teve uma quebra de motor na parte final da prova e abandonou a disputa. Agora, o piloto da Penske tem um prejuízo de 41 pontos em relação à zona de corte e praticamente só participará da decisão se vencer uma das próximas duas corridas.

Outro a abandonar a disputa antes do fim foi Martin Truex Jr. O piloto da Joe Gibbs bateu forte após levar um toque de Daniel Suarez em disputa por posição. O campeão de 2017 tem 22 pontos de desvantagem e também depende mais de uma vitória para chegar à decisão do que se classificar por pontos.

A próxima etapa da NASCAR Cup Series será no próximo domingo, no circuito oval do Kansas.

Classificação da etapa do Texas:

1 – Kyle Larson (Hendrick/Chevrolet)
2 – William Byron (Hendrick/Chevrolet)
3 – Christopher Bell (Joe Gibbs/Toyota)
4 – Brad Keselowski (Penske/Ford)
5 – Kevin Harvick (Stewart-Haas/Ford)
6 – Ryan Blaney (Penske/Ford)] 7 – Chase Elliott (Hendrick/Chevrolet)
8 – Kyle Busch (Joe Gibbs/Toyota)
9 – Tyler Reddick (Richard Childress/Chevrolet)
10 – Daniel Suarez (Trackhouse/Chevrolet)

11 – Denny Hamlin (Joe Gibbs/Toyota)
25 – Martin Truex Jr (Joe Gibbs/Toyota) – acidente
30 – Joey Logano (Penske/Ford) – problema de motor

Round of 8 após 1 de 3 etapas:(diferença em relação à zona de corte)
Kyle Larson – 1 vitória (classificado)
Ryan Blaney +17
Denny Hamlin +9
Kyle Busch +8

Chase Elliott -8
Brad Keselowski -15
Martin Truex Jr -22
Joey Logano -41

Mostrar mais

Eduardo Casola

Jornalista formado na Universidade de Sorocaba (Uniso) e apaixonado por esporte a motor desde quando se conhece por gente. Apenas um rapaz que gosta de uma boa corrida e de uma boa história!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados