365 dias

04 de Abril 1982, Niki Lauda volta a vencer na Fórmula 1

| Por: Eduardo Casola Filho

lllSérie 365: 04 de Abril 1982, Niki Lauda volta a vencer na F1 – 02ª Temporada: dia 318 de 365 dias

Fonte: Pinterest

A temporada de 1982 havia começado bem agitada dentro e fora das pistas. A greve dos pilotos em Kyalami e a desclassificação de Piquet e Rosberg em Jacarepaguá criaram uma atmosfera de expectativa para a terceira etapa em Long Beach. E claro a etapa norte americana também teve suas surpresas, dias após o GP Brasil o argentino Carlos Reutemann comunicou a Frank Williams que estava deixando a F1, o clima entre o piloto e a equipe já não era dos melhores desde 1981, some-se a isso a chegada do jovem e rápido Keke Rosberg ao time e a Williams passava a ter um cockpit disponível.

Fonte: Pinterest

Frank Williams e Patrick Head tentaram convencer Alan Jones a interromper sua aposentadoria, como o australiano não aceitou o time britânico teve que recorrer a Mario Andretti para guiar o carro #5. Na classificação a grande surpresa do final de semana, a pole position de Andrea de Cesaris da Alfa Romeo superando Niki Lauda da McLaren. Na segunda fila a dupla da Renault, Rene Arnoux e Alain Prost. Provando a boa fase da Alfa Romeo, Bruno Giacomelli era o quinto e Nelson Piquet da Brabham o sexto.

Fonte: Pinterest

Na largada o surpreendente De Cesaris manteve a liderança. O estabanado italiano não resistiu à pressão de Lauda sendo superado pelo austríaco na volta 15. Estampou sua Alfa nos muros de Long Beach na volta 33, mas independente disso liderou durante 14 voltas. O cerebral austríaco, mentor da greve dos pilotos em Kyalami, disputava apenas seu terceiro GP em seu retorno as pistas após 2 anos. E Lauda provava ao mundo que não havia perdido sua velha forma com uma tocada rápida e segura.

Fonte: Pinterest

Após o abandono de Andrea de Cesaris o top 6 estava assim: Niki Lauda, Keke Rosberg, Gilles Villeneuve, Michele Alboreto, Eddie Cheever, Elio de Angelis. Daí até o final a única alteração significativa foi Riccardo Patrese da Brabham superando Alboreto, Cheever e De Angelis para chegar ao quarto lugar que viraria terceiro lugar com a desclassificação da Ferrari de Villeneuve. Os italianos disputaram o GP dos EUA Oeste com uma asa traseira bipartida, contra o regulamento, mas Enzo Ferrari em meio à confusão política que reinava na categoria pagou para ver até onde iria o rigor da FISA com as regras desportivas e se deu mal.

Fonte: Pinterest

Após 1h58min e 258 km percorridos Niki Lauda conquistou em Long Beach a 18° vitória de sua carreira, a primeira em seu retorno a F1 e também a primeira do chassi MP 4/1. Keke Rosberg da Williams em segundo, Riccardo Patrese da Brabham em terceiro. Michele Alboreto (Tyrrell), Elio de Angelis (Lotus) e John Watson (McLaren) completaram a zona de pontos.

Fonte: Pinterest

O disputadíssimo campeonato de 1982 apresentava a seguinte classificação após 3 etapas:

Fonte: f1stats.com

A briga política que parecia ter se acalmado em Long Beach voltaria à tona em Imola com força total.

Fonte: Pinterest
Fonte: Pinterest
Fonte: Pinterest

lll A Série 365 Dias Mais Importantes do Automobilismo, recordaremos corridas inesquecíveis, títulos emocionantes, acidentes trágicos, recordes e feitos inéditos através dos 365 dias mais importantes do automobilismo.

Subscribe to
BPCast

Or subscribe with your favorite app by using the address below

Etiquetas
Mostrar mais

Cristiano Seixas

Fã hardcore de Fórmula 1, apreciador da história, números e estatísticas da categoria, mais conhecido como Mestre Cristiano Seixas, Wikipédia erra o Cristiano não.

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Fechar